Outubro Rosa e Câncer de mama

15 minutos de leitura
Imagem: Deposit Photos

No mês de outubro, nos deparamos com diversos laços de fita cor de rosa, compartilhados por empresas e pessoas preocupadas em falar sobre saúde. Eles servem para lembrar as mulheres de examinarem seus seios e alertam para a importância dos exames, que contribuem para um diagnóstico precoce de câncer de mama e elevam suas chances de cura.

Com certeza você já viu alguma dessas fitas por aí, mas conhece a origem do movimento Outubro Rosa e a importância de se descobrir o câncer de mama no início? Continue lendo que a gente te explica. 😊

Neste artigo você vai descobrir:
– Onde e como surgiu o Outubro Rosa;
– O que é o Câncer de mama e quais os sintomas;
– Como detectar o câncer de mama;
– Principais causas que levam ao câncer e como evitá-las.

O QUE É E COMO SURGIU O OUTUBRO ROSA?

É um movimento mundial, criado no início da década de 1990 nos Estados Unidos, pela fundação Susan G. Komen for the cure. A fita rosa – símbolo do movimento – teve início na “Corrida pela Cura” de Nova York, onde os corredores receberam a fita para caracterizar a campanha. A partir daí, o símbolo se espalhou mundo a fora.

O objetivo do Outubro Rosa, desde o início, é falar mais a respeito do câncer de mama, conscientizar sobre os cuidados e exames necessários e auxiliar o acesso a serviços de diagnósticos e tratamentos.

Essa necessidade surgiu porque o câncer de mama é o tipo de câncer mais comum em mulheres do mundo todo – para se ter uma ideia, em 2018 foram identificados 2,1 milhões de casos novos, o que equivale a 11,6% de todos os cânceres detectados no ano, no público feminino.

Aqui no Brasil, o INCA – Instituto Nacional do Câncer – aderiu ao movimento em 2010 e também passou a promover eventos e debates, assim como a produção e distribuição de materiais informativos.

Se você deseja conhecer mais detalhes sobre a história do Outubro Rosa, clique aqui.

IMPORTANTE: O mês de outubro foi o escolhido para falar deste assunto tão sensível e crucial, mas é claro que cuidar da saúde deve ser prioridade o ano inteiro. Portanto, independente do mês, esteja sempre atenta ao seu corpo, às mudanças e aos sintomas. E em caso de dúvidas ou suspeitas: vá ao médico! 😉

O QUE É O CÂNCER DE MAMA

O câncer é uma doença que pode surgir em qualquer parte do corpo e caracteriza-se pela multiplicação desordenada de células, que se unem e formam um tumor.

No caso do câncer de mama, as células afetadas são as que revestem os ductos mamários ou as encontradas nos lóbulos das glândulas mamárias. O tipo de câncer de mama vai variar de acordo com o tecido onde o tumor se encontra e a evolução dele, podendo alguns serem mais rápidos e agressivos do que outros.

Mas por mais que seja uma doença preocupante, com números de casos expressivos, temos também dados animadores: quando diagnosticado e tratado em sua fase inicial, as chances de cura do câncer de mama chegam a até 95%!

É por este motivo que o trabalho de conscientização do Outubro Rosa é tão importante, uma vez que manter os exames em dia permite a descoberta da doença mais cedo, o que pode ser fundamental para o sucesso do tratamento. 💗

Curiosidade: apenas mulheres desenvolvem câncer de mama? A resposta é NÃO! O que acontece é que esse câncer é raro em homens, representando apenas 1% do total de incidência da doença. Por isso, é comum que toda informação sobre o câncer de mama seja destinada ao público feminino.

QUAIS SÃO OS SINTOMAS DO CÂNCER DE MAMA

O sinal mais comum no câncer de mama é a presença de um ou mais nódulos no seio, que podem ser indolores e de diversos formatos. Alguns outros sintomas habituais são:

👉 Dores, especialmente no mamilo;

👉 Inversão do mamilo (para dentro da mama);

👉 Saída de secreção pelo mamilo;

👉 Edema da pele (enrugamento ou textura parecida com a casca de laranja);

👉 Descamação ou ulceração do mamilo.

Caso você tenha um ou mais sintomas, fique calma! Isso não quer dizer necessariamente que seja um câncer de mama. Leve sua preocupação a um médico e realize exames, pois apenas um profissional poderá confirmar ou descartar o diagnóstico e indicar o tratamento adequado.

COMO DETECTAR O CÂNCER DE MAMA?

É comum levantar a suspeita de câncer de mama a partir das seguintes situações:

1. Através do exame físico ou clínico, que correspondem:

  • Ao autoexame: Quando a paciente apalpa os seios e ao redor deles em busca de nódulos, ou observa aspectos específicos nos seios.

  • À consulta Ginecológica: Similar ao que acontece no autoexame, mas feito pelo médico. Através da palpação das mamas e da observação clínica (aparência e aspecto dos seios) – junto à anamnese do paciente – o médico é capaz de averiguar uma irregularidade alarmante e encaminhar a paciente para exames especializados.

2. Ou através de exames de rotina, como:

  • Mamografia – é um exame de imagem que permite visualizar nódulos não palpáveis. A partir dos 50 anos, ela costuma ser recomendada como exame periódico, a ser feito de 2 em 2 anos (no entanto, a idade para começar o exame e a frequência podem variar de acordo a indicação médica e histórico familiar).

  • Ultrassom da mama – costuma ser um complemento da mamografia, que utiliza ondas de alta frequência para busca e análise de nódulos. A ultrassom consegue uma análise ainda mais detalhada, pois é possível identificar não só a presença dos nódulos, mas suas características internas (se há água ou calcificação, por exemplo).

Caso os exames acima encontrem achados suspeitos para um possível câncer, a paciente será encaminhada para a realização de exames mais específicos, tais como:

  • Ressonância magnética – esse exame possui maior sensibilidade e ajuda o médico a diagnosticar alguns tipos de câncer que não são detectáveis nem pela mamografia nem pelo ultrassom. Nele, é possível identificar o tamanho do tumor e mapear a existência de outros locais que possam estar afetados por células cancerígenas.

  • Biópsia – normalmente é o último exame realizado. Nele é coletada uma amostra do tecido lesionado, permitindo assim uma análise precisa das células. Caso sejam encontradas células tumorais malignas, a biópsia confirma o diagnóstico de câncer.

PRINCIPAIS CAUSAS DO CÂNCER DE MAMA E FORMAS DE PREVENÇÃO

Não existe uma causa única para o aparecimento do câncer de mama, mas alguns fatores aumentam o risco da doença:

Quadro retirado do site do INCA

Se você identificou alguns fatores de risco e quer se prevenir do câncer de mama, saiba que, de acordo com o INCA, 30% dos casos podem ser evitados com a adoção de hábitos de vida saudáveis, como:

– Prática de atividades físicas;
– Evitar o consumo de bebidas alcóolicas e cigarro;
– Amamentação;
– Manter o peso corporal adequado.

CONCLUSÃO

Depois de todas essas informações, ainda restam dúvidas se campanhas de conscientização como o Outubro Rosa realmente funcionam? Então veja mais este dado que separamos para você: mesmo com os altos números de casos, já é observada uma queda nas taxas de mortalidade por câncer de mama – 1,9% ao ano de 2008 a 2012. 😁

Isso mostra que o trabalho de conscientização aliado à mamografia de rastreamento, causam um efeito direto na vida das pessoas, com cada vez mais casos de pacientes curadas.

Portanto, se você não está em dia com seus exames periódicos, marque uma visita ao seu ginecologista para realizar os exames anuais e conferir como está sua saúde!

Para ver mais conteúdos sobre saúde da mulher, confira nossos outros posts:

Por que mulheres sofrem mais de enxaqueca
Por que mulheres sofrem mais de enxaqueca
utero-feminino
DIU: tudo o que você precisa saber sobre este método contraceptivo
Sua TPM te incomoda?
Sua TPM te incomoda?
Menopausa e climatério
Menopausa e climatério: quais são os sintomas e tratamentos

FONTES

https://www.inca.gov.br/tipos-de-cancer/cancer-de-mama
http://www.oncoguia.org.br/conteudo/sinais-e-sintomas-do-cancer-de-mama/1383/34/
https://mulherconsciente.com.br/cancer-de-mama/tudo-sobre-o-cancer-de-mama/
http://www.outubrorosa.org.br/historia.htm
https://www.inca.gov.br/assuntos/outubro-rosa
http://www.oncoguia.org.br/conteudo/estatisticas-para-cancer-de-mama/6562/34/
https://www.pfizer.com.br/sua-saude/oncologia/cancer-de-mama
https://mulherconsciente.com.br/cancer-de-mama/tudo-sobre-o-cancer-de-mama/
https://www.tuasaude.com/exame-para-cancer-de-mama/
https://www.bio.fiocruz.br/index.php/br/cancer-de-mama-sintomas-sinais-e-tratamento
http://www.santacasamaringa.com.br/noticia/328/outubro-rosa-o-que-e-como-surgiu-e-por-que-e-tao-importante
https://www.megaimagem.com.br/blog/qual-a-diferenca-de-mamografia-e-ultrassom-de-mamas/
https://www.febrasgo.org.br/pt/noticias/item/145-ressonancia-magnetica-das-mamas-quando-e-porque

Loja Virtual

Hair and nails polivitamínico ALQ

ALQ - Hair & Nails

Polivitamínico 60 caps
R$ 52,90
comprar

Você pode querer ler também